Notícias

Em jogo muito equilibrado, Melo e Kubot param na semifinal diante dos irmãos Bryan em Miami

Escrito em 30/03/2019
MarceloMelo

Dupla foi semifinalista em Miami e finalista em Indian Wells (Foto: Mike Lawrence / ATPTour.com)
Em um jogo emocionante, muito equilibrado, decidido nos detalhes, em um disputado match tie-break, Marcelo Melo e Lukasz Kubot pararam nesta sexta-feira (29) na semifinal do Masters 1000 de Miami. Após 2h28min, os irmãos norte-americanos Bob e Mike Bryan marcaram 2 sets a 1, parciais de 7/6 (9-7), 6/7 (8-10) e 14-12, para avançar à final do torneio. A partida tinha sido adiada na quinta-feira (28) por causa das chuvas, quando estava empatada em 2/2.

Melo e Kubot encerraram a disputa de dois torneios nos Estados Unidos – Indian Wells e Miami – com balanço positivo: um vice-campeonato, uma semifinal e a subida no ranking: na segunda-feira (01/04), Marcelo será sexto e Kubot quarto no ranking mundial individual de duplas da ATP. Agora, voltam à quadra no Masters 1000 de Monte Carlo, a partir do dia 14 de abril.

“A semifinal foi impressionante. Quem viu desfrutou de um belo jogo de duplas. Ganhar ou perder faz parte do tênis e sempre aprendemos mais com as derrotas do que com as vitórias. Foi o caso desta sexta-feira. Muito obrigado pela torcida. Em todos os jogos a quantidade de brasileiros foi incrível. Quero agradecer o carinho que sempre temos recebido”, analisou Marcelo, patrocinado por Centauro, BMG e Itambé, com o apoio da Volvo, Orfeu Cafés Especiais e Confederação Brasileira de Tênis.

Jogo emocionante – Dois tie-breaks e um match tie-break muito equilibrados fizeram a vaga para a final em Miami ser definida nos detalhes. No primeiro set, Melo e Kubot tiveram a grande chance ao conseguir uma quebra no nono game, fazendo 5/4 e sacando na sequência para fechar a série. Mas, os Bryan reagiram e devolveram o break, salvando três set points. No tie-break, mais disputa. Melo e Kubot chegaram a ter mais um set point no 6/5, mas a vitória foi dos irmãos por 7/6 (9-7). No segundo set, de novo o equilíbrio. Desta vez sem quebras, as duplas foram para outro tie-break. Melo e Kubot salvaram três match points para reagir e vencer por 7/6 (10-8) e levar o jogo para o match tie-break.

Como não poderia deixar de ser, em uma partida tão disputada, o match tie-break foi emocionante. Melo e Kubot saíram de uma desvantagem de 5-2 e marcaram quatro pontos seguidos para passar à frente, 6/5. Chegaram a ter quatro match points, mas desta vez foram os Bryan que salvaram. Nos últimos pontos, novamente muito equilíbrio, até a vitória de Bob e Mike por 14-12.